MWC 2019 | LG V50 é o smartphone dobrável que tem tela destacável

Por Felipe Demartini | 25 de Fevereiro de 2019 às 12h10
Tudo sobre

LG

Saiba tudo sobre LG

Ver mais

Os smartphones com telas dobráveis prometem ser a nova coqueluche do mercado mobile. Pelo menos é o que temos visto no MWC 2019, em Barcelona. Entretanto, a LG tem uma ideia um pouco diferente para participar dessa febre. Durante a feira, a companhia apresentou o V50 ThinQ 5G, que em vez de um único display apresenta duas telas separáveis, com a adicional podendo ser removida do corpo do aparelho.

Ligada à principal por uma dobradiça, a segunda tela surge como um acessório opcional para o smartphone. Enquanto o display principal é de 6,4 polegadas e tem resolução de 3120 x 1440 pixels, o secundário aparece com especificações um pouco menores, 6,2 polegadas e 2160 x 1080 pixels. A LG promete que, no uso, essa diferença é quase imperceptível.

Anunciado no MWC 2019, LG V50 ThinQ tem tela adicional removível e chegará primeiro aos países com conexão 5G (Imagem: Divulgação/LG)

Enquanto a energia para o display secundário vem de conectores na dobradiça, a conexão de dados acontece por meio de uma conexão Wi-Fi dedicada e de curto alcance, com as imagens sendo transmitidas para a segunda tela. Desconectada do dispositivo, entretanto, ela permanece desligada, enquanto a bateria de 4.000 mAh promete grande autonomia para o smartphone em modo “normal” e funcionamento compatível a outros modelos de topo de linha enquanto o acessório estiver ligado.

Ao anunciar o modelo, que lembra um bocado o Nintendo 3DS, a LG também exibiu uma série de utilizações para ele. As ideias vão desde básicas, como um desktop adicional para uso de dois aplicativos ao mesmo tempo ou a utilização de um teclado em uma das telas; a curiosas, com a colocação de um controle para games no display inferior, enquanto o superior exibe o título em si. O display secundário também pode ser usado para manter o smartphone em pé durante o consumo de mídia, seja em forma de L ou apoiado sobre uma superfície, constituindo um suporte dos mais premiums do mercado.

Games e digitação são apenas algumas das ideias imaginadas pela LG para o V50 ThinQ (Imagem: Divulgação/LG)

As configurações do V50 ThinQ 5G são robustas. O chipset é o Snapdragon 855, da Qualcomm, acompanhado de GPU Adreno 640 e 6 GB de memória RAM. Na parte traseira, um trio de câmeras com duas de 12 megapixels, incluindo uma com zoom óptico, e uma terceira ultrawide de 16 MP. As câmeras frontais também são duplas, com 8 MP e 5 MP, enquanto o espaço interno é de 128 GB.

A LG também revelou estar conversando com operadoras de telefonia para colocar o 5G para funcionar no modelo, que usa um chip dedicado da Qualcomm para se conectar à nova rede. A ideia é lançar o V50 ThinQ inicialmente em mercados da Ásia e Europa onde a conexão chegará primeiro, mas o modelo também chegará neste segundo semestre a outros países do mundo. Os preços, entretanto, não foram revelados.

Fonte: Ars Technica

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.