Fundador do Spotify diz não se sentir ameaçado pelo Apple Music

Por Redação | 11 de Junho de 2015 às 11h09
photo_camera Foto: Reprodução

Em meio à batalha de qual serviço de streaming é o melhor e a chegada da Apple nesta disputa, o fundador do Spotify deu uma declaração afirmando que a indústria é grande, tem espaço suficiente para vários concorrentes e que a sua companhia não tem o objetivo de ser a número um.

Em entrevista ao periódico sueco Swedish Business, Daniel Ek disse que para ele é o suficiente o Spotify estar entre os três primeiros. "Mas agora temos uma vantagem de ser o número um na música", ressaltou.

A companhia sueca de streaming de músicas viu sua receita crescer 45%, chegando a aproximadamente 1,08 bilhões de euros, e registrar um prejuízo operacional de 165 milhões de euros.

Pouco depois do lançamento do Apple Music, o Spotify postou em seu site uma nota de agradecimento aos seus clientes, afirmando que já conta com 20 milhões de assinantes e mais de 75 milhões de usuários ativos, praticamente o dobro em relação ao ano anterior.

Fonte: Reuters

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.