Lista da Billboard passará a contabilizar número de visualizações no YouTube

Por Redação | 26.02.2013 às 13:30

A revista norte-americana especializada em música Billboard produz toda semana uma lista com as cem canções e discos mais vendidos e pedidos nas rádios, a lista Hot 100. E a publicação anunciou recentemente que passará a computar o número de visualizações de clipes musicais no YouTube para que essa audiência também influencie seu ranking semanal. As informações são do jornal A Folha de S. Paulo.

A lista computa as vendas físicas de discos e de músicas digitais junto com o volume de pedidos de uma mesma canção em rádios tradicionais, e também quantas vezes a música foi reproduzida em serviços de streaming como Spotify, Xbox Music, Rdio, Muve Music, Slacker, Rhaspody entre outros. A partir de agora, o número de visualizações no maior serviço de compartilhamento de vídeos do mundo também passará a compor os requisitos para uma canção entrar no ranking.

Os vídeos publicados no YouTube que contribuirão com a lista Hot 100 serão apenas aqueles postados por canais oficiais. E a primeira música a parar no topo da lista graças à visualização de vídeos é a 'Harlem Shake', de Baauer, que se tornou um sucesso mundial e ganhou muitas novas versões - algo muito parecido com o sucesso do clipe 'Gangnam Style' do Psy.