Julian Assange gravará música com Calle 13 sobre manipulação da informação

Por Redação | 14 de Junho de 2013 às 14h54

O ativista e fundador do site Wikileaks, Julian Assange, se reuniu nesta quinta-feira (13) na embaixada do Equador em Londres, Inglaterra, onde está asilado há quase um ano, com o rapper porto-riquenho Residente. A reunião, que durou cerca de quatro horas, foi para iniciar a composição de uma nova música que tem como tema principal a manipulação da informação feita pela mídia e a censura.

O rapper, vocalista da Calle 13, solicitou a participação de Assange devido à proximidade de suas opiniões, já que ambos lutam contra a manipulação da informação e têm denunciado casos de censura à liberdade de expressão. O músico também explicou ao ativista todas suas ideias sobre a letra da canção, que tem como plano de fundo o papel das rede sociais na disseminação da informação.

Julian Assange e rapper Residente

Julian Assange e Residente (Reprodução: La Razón)

"Apoiamos [Assange] porque é uma vítima da manipulação da imprensa. Eles o culpam por ter tornado públicas informações que deveríamos ter acessado, porque merecemos saber" escreveu Residente em seu perfil pessoal no Twitter durante o encontro. A canção, que contará com a voz de Julian Assange, deve integrar o novo disco do Calle 13, que será lançado entre setembro e dezembro deste ano.

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!