Tecnologia: um grande lance para jogadas vencedoras

Por Colaborador externo | 08 de Outubro de 2016 às 22h15
photo_camera Terra

Por Ricardo Kazuo*

Os esportes geram uma imensa quantidade de dados que são aproveitados, em geral, através de análises estatísticas. Mas a informação também pode ser usada em tempo real para reverter um cenário esportivo em que a derrota se mostra quase certa.

Um dos usos menos conhecidos da tecnologia é sua aplicação nos esportes. Seja por causa de uma implementação complicada ou da resistência dos jogadores, diretores e torcedores. Muitos dos esportes mais famosos do mundo se viram privados dos avanços tecnológicos. Felizmente, hoje, podemos contar com o uso do Big Data, que auxilia no monitoramento óptico dos jogadores e no uso de ferramentas de análise do movimento. A tecnologia tem permitido documentar os primeiros resultados nos esportes apoiados pela tecnologia e de uma maneira não invasiva.

Esportes como o futebol, tênis, golfe, futebol americano e o hóquei têm usado tecnologias de análise de dados para auxiliar os treinadores a ajustar estratégias capazes de mudar o resultado das competições. Por exemplo: durante o tempo técnico, os treinadores podem apontar padrões, variações de movimentos, performances ou qualquer outro elemento que permitam que o jogador melhore seu desempenho em campo.

Um dos exemplos reais mais significativos tem sido a utilização dessas tecnologias no tênis. As aplicações de análise nesse esporte permitem:

  • Comparar ponto a ponto estatísticas completas do jogo, atualizadas a cada quinze segundos;
  • Manter sistemas de pontuação que analisam o desempenho no saque, a taxa de sucesso na vitória de cada game (quando se tem o serviço) e o número de break points salvos, além de outros dados;
  • Rastrear informações, mostrando a direção do saque do jogador, sua localização na quadra, pontos de contato ao devolver o saque e a localização durante as rebatidas.

Em alguns casos, os jogadores que usam esse tipo de tecnologia têm conseguido reverter o que parecia ser uma derrota iminente. Isso aumenta o grau de emoção dos fãs presentes nas partidas ou dos telespectadores que acompanham a maneira como seu jogador favorito reverte a desvantagem no último minuto, usando suas melhores técnicas e interpretando os pontos fracos do adversário corretamente.

Quer ver isso na prática? Para experimentar um pouco das opções tecnológicas aplicadas ao tênis, faça o download da Aplicação do Miami Open disponível nas lojas do iTunes e Google Play.

É assim que atletas de alto desempenho podem ajustar seu comportamento para garantir os melhores resultados em suas performances, em esportes de equipe ou individuais.

Na medida em que as federações permitirem cada vez mais a utilização desses tipos de tecnologia, os torcedores verão mais aplicações desses avanços, ajudando a proporcionar uma experiência completamente nova e possibilitando que o público conheça mais detalhes técnicos, movimentos especiais e estratégias usados por pelos grandes atletas.

*Ricardo Kazuo é diretor de Marketing da SAP Brasil

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.