Steve Jobs queria que Wozniak voltasse para a Apple

Por Redação | 13.10.2015 às 15:50

A dupla Steve Jobs e Steve Wozniak foi responsável pela fundação de uma das maiores empresas de tecnologia de todos os tempos. No entanto, nos anos 1980, cerca de uma década após a criação da Apple, Woz deixou definitivamente a companhia e fundou uma nova empresa que teve vida curta.

Na ocasião, a relação entre os dois empresários não era das melhores. Agora, durante uma entrevista recente concedida à Bloomberg, Wozniak contou que em 2011, pouco antes de sua morte, Steve Jobs levantou a possibilidade do cofundador voltar à Apple.

Apesar de ter atiçado a curiosidade dos fãs, Wozniak não deu muitos detalhes sobre o assunto, mas disse que recusou a oferta de Jobs, dizendo que "não era a pessoa para isso" e que "ama a vida que tem atualmente".

Na entrevista, Wozniak também falou sobre o recém-lançado filme sobre Steve Jobs. Ele reiterou que nem tudo o que foi retratado nas telonas aconteceu na vida real. "Em todas as cenas em que apareço, eu nem estava conversando com Steve Jobs", disse o empresário.

Ele também observa que as cenas envolvendo um confronto entre ele e Jobs nunca aconteceram. Elas foram criadas para dar um ar mais dramático ao filme e têm desempenhado um grande papel nos materiais de marketing do longa. Woz disse ainda que o ator que o interpreta no filme disse "coisas que ele nunca poderia ter dito".

Numa entrevista anterior, Woz já havia dado sua opinião sobre a produção. "O filme não tenta ser mais uma história sobre o que todos nós conhecemos. Ele tenta fazer você sentir como as coisas eram emocionalmente, assim como Jobs e aqueles ao seu redor", disse.

Via Cult of Mac