Sony quer lançar Project Morpheus ainda no primeiro semestre de 2016, diz jornal

Por Redação | 18.05.2015 às 11:52
photo_camera Divulgação

Agora que já sabemos quando o Oculus Rift chegará ao mercado, todas as atenções se voltam para seus concorrentes, sobretudo o ambicioso Project Morpheus, da Sony. E parece que a empresa nipônica não quer deixar muito espaço para seus rivais e pode trazer seus óculos de realidade virtual em uma data bem próxima do Rift.

Conforme noticiado pelo jornal japonês Asahi, a previsão é que o Morpheus esteja disponível para os consumidores antes de junho de 2016, ou seja, pouco tempo depois de seu concorrente e com uma interessante proximidade à E3 do ano que vem.

O ponto é que, como um rumor, a Sony não comentou nada sobre o assunto, o que torna a história bem confusa. Afinal, essa data seria para um lançamento global ou localizado apenas no Japão? Tudo continua um grande mistério.

No entanto, a conferência da empresa na E3 será realizada no próximo dia 15 de junho e muitos apostam que o Morpheus vai ser uma das principais atrações da empresa durante sua apresentação. Se isso se concretizar, não seria nada estranho ouvirmos a confirmação — ou a negativa — de que o acessório chegará no primeiro semestre de 2016.

Foco nos jogos

Enquanto nenhum parecer oficial sobre o lançamento do Morpheus é divulgado, a Sony segue investindo pesado na produção de jogos que aproveitam a novidade. Tanto que ela anunciou a criação de um estúdio dedicado exclusivamente ao desenvolvimento de games voltados para a realidade virtual.

Situada no noroeste da Inglaterra, a nova subsidiária está começando a contratar funcionários. De acordo com um porta-voz da companhia, a ideia é criar uma equipe pequena, mas totalmente focada no trabalho com experiências envolvendo essa nova tecnologia muito mais imersiva. No entanto, como tudo ainda está em fase inicial, não há nenhum detalhe mais significativo sobre o que está por vir.

Apesar disso, juntando essas duas informações fica fácil perceber o quanto a companhia está dedicada a não apenas acelerar o lançamento do Project Morpheus, mas garantir que ele chegue às lojas já com conteúdos dedicados. Trata-se de algo fundamental para uma novidade do porte da realidade virtual e que pode definir o sucesso ou o fracasso do periférico — como aconteceu com o próprio Move, que caiu no esquecimento pela falta de títulos que conquistassem o jogador.

Via: Asahi, Kotaku, VG24/7, PC World