Sem alarde, Microsoft demite cerca de 1.000 funcionários

Por Redação | 23 de Outubro de 2015 às 10h57
photo_camera Divulgação

A Microsoft confirmou que teve mais uma rodada de demissões. A empresa de Redmond não especificou a quantidade exata de funcionários que foram afetados, mas o jornal The New York Times estima que o número tenha chegado a cerca de 1.000.

"As reduções de emprego foram distribuídas em mais de uma área de negócios e país e refletem adaptações às necessidades de negócios. Nós passamos por este processo da forma mais ponderada possível, com o mais profundo respeito com os indivíduos afetados", disse um porta-voz da empresa.

O anúncio foi realizado durante a divulgação dos resultados financeiros do último trimestre e indica que os cortes foram muito além daqueles que aconteceram no início do ano, quando a companhia demitiu boa parte dos funcionários da sua conturbada divisão de telefonia.

Em julho de 2014, o CEO da Microsoft, Satya Nadella, anunciou que a empresa iria começar a "racionalizar" as operações e para isso precisaria corta 18.000 empregos, o que representava 14% da força de trabalho total da companhia. As demissões continuaram durante todo o ano de 2015.

Via Business Insider

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.