Samsung poderá vender Galaxy Note 7 recondicionado em 2017

Por Redação | 17.11.2016 às 15:30
photo_camera Divulgação

Mesmo com todos os problemas, recalls e cancelamentos de produção, parece que a Samsung ainda quer tentar com o Galaxy Note 7. Fontes afirmam que a fabricante sul-coreana tem planos de relançar o aparelho em 2017, usando unidades recondicionadas.

Segundo afirmaram pessoas próximas à Samsung, a companhia estaria trabalhando para resolver os problemas de bateria que o dispositivo teve em sua fabricação. "A Samsung ainda não tomou uma decisão final, mas ela provavelmente venderá unidades recondicionadas do Note 7 no ano que vem", afirmou uma fonte ao site The Investor.

No momento, entretanto, a companhia ainda está tentando descobrir os motivos exatos por trás das explosões que causaram o recall e subsequente cancelamento da fabricação do produto. Enquanto isso não acontecer, dificilmente o Note 7 voltará às lojas.

De acordo com as fontes, caso a estratégia com o Note 7 se concretizar, os lotes recondicionados serão voltados a mercados emergentes como India e Vietnã, entrando em faixas mais intermediárias - ou seja, a Samsung reduzirá sensivelmente o preço do aparelho.

Entretanto, a companhia asiática poderá ter um problema para recuperar a confiança do público em um aparelho que ficou tão famoso por seus problemas. Vale lembrar que a companhia chegou a recolocar versões "consertadas" do Note 7 após os primeiros incidentes, mas não deu certo.

De qualquer forma, a Samsung tem em seu estoque alguns milhões de unidades do Galaxy Note 7, vindos de devoluções de compradores e lojistas. Agora resta saber qual será o destino destes dispositivos: conserto ou lixo.

Fonte: BGR