Samsung encerrará Milk Music em 22 de setembro

Por Redação | 23 de Agosto de 2016 às 10h57

O mercado de streaming de música está cada vez mais concorrido. Além do Spotify, empresas como Apple e Google tem investido bastante para conseguir atrair mais usuários para suas plataformas. Rumores também indicam que outras empresas, como a Pandora, que recentemente adquiriu o Rdio, também deverão lançar seu próprio serviço de streaming. Com isso, fica cada vez mais difícil para que novas e pequenas plataformas sobrevivam. Este é o caso do Milk Music, da Samsung, que anunciou o encerramento do serviço para daqui a um mês, mais especificamente para o dia 22 de setembro.

Depois de tentar diversas estratégias para manter o Milk Music, incluindo uma possível fusão com o Tidal, a Samsung anunciou o fim do serviço. "Fizemos a decisão estratégica de investir em nosso modelo parceiro focado em integrar de forma transparente os melhores serviços de música disponíveis hoje em nossa família de dispositivos Galaxy. Acreditamos que trabalhar com parceiros vai acelerar a inovação, aumentar as vendas de dispositivos e proporcionar novas experiências surpreendentes para os nossos clientes."

Milk Music

O Milk Music foi lançado pela empresa sul-coreana em 2014. A plataforma não conseguiu o sucesso que outras empresas, como o Spotify, alcançaram. Talvez um dos principais pontos negativos que contribuiu para o fim da plataforma sul-coreana foi o fato de ela ser exclusiva para os dispositivos móveis da empresa. Com uma base de usuários bastante restrita e com pouca projeção de crescimento, a Samsung não conseguiu manter a plataforma em operação.

Apesar do encerramento do serviço, acredita-se que a empresa, a partir de agora, reformulará sua atuação no segmento e terá novidades para apresentar durante a IFA 2016. O evento acontece de 02 a 07 de setembro na Alemanha.

Via FastCompany, Samsung

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.