Samsung Electronics planeja dividir seus negócios em dois

Por Redação | 28.11.2016 às 10:05

A Samsung Electronics está considerando dividir seus negócios em dois, relatou o Seoul Economic Daily nesta segunda-feira (28).

O diário sul-coreano afirma ter ouvido de fontes com conhecimento de causa que a Samsung cedeu aos conselhos do fundo Elliott Management, que disse que uma cisão fortaleceria a companhia no mercado mundial de smartphones - liderado por ela. O principal argumento utilizado pelo Elliott foi de que a divisão elevaria o valor das ações da fabricante na Bolsa.

Caso o conselho seja seguido à risca, a Samsung Electronics se dividirá em uma companhia proprietária e outra operacional. A cisão também exigirá que a empresa pague US$ 26 bilhões em dividendos especiais, garanta um fluxo de caixa livre de 75% aos investidores e concorde em nomear alguns diretores independentes.

Contatada, a Samsung não comentou nada sobre o processo de reestruturação. Contudo, é flagrante a rapidez com que a multinacional vem se reorganizando desde o afastamento do patriarca da família Lee, que toma conta do conglomerado, por motivos de saúde em 2014.

De lá para cá, a empresa já vendeu vários negócios considerados "não essenciais" e promovido fusões de algumas divisões para consolidar seus números e lideranças em setores específicos. Agora parece que a empresa está disposta a mexer com sua galinha dos ovos de ouro, que está cada vez mais ameaçada por fabricantes chinesas de smartphone.

Por fim, o Seoul Economic Daily afirma que os diretores da Samsung se reunirão nesta terça-feira (29) para deliberar sobre o assunto. A decisão oficial deve ser anunciada até as 6 da manhã desta terça-feira (27), conforme exigência da Korea Exchange, a bolsa de valores da Coreia do Sul.

Via Reuters