Samba Tech recebe apoio da Microsoft para lançar app nos EUA

Por Redação | 17 de Junho de 2016 às 08h32
Tudo sobre

Microsoft

A Samba Tech, companhia pioneira na distribuição de vídeos online na América Latina, anunciou nesta quinta-feira (16) que irá expandir sua atuação para os Estados Unidos. Após sua parceria com Harvard em janeiro deste ano, quem trabalhará junto da companhia será ninguém menos que a Microsoft.

O apoio da gigante da tecnologia vem para auxiliar a Samba Tech no lançamento de um novo aplicativo de comunicação corporativa, o Kast, que visa melhorar a interação e a produtividade das empresas a partir de um serviço de áudio e vídeo.

A ideia é que os usuários possam contar com uma ferramenta que oferece compartilhamento de conteúdos a partir da criação de canais e de perfis de trabalho. Ou seja, enquanto a maioria das pessoas utilizam o Snapchat, Instagram e Facebook para interagir, o Kast, com uma interface semelhante, proporcionará aos colaboradores das organizações um ambiente de troca corporativa através de um sistema de vídeo melhorado. Assim, por meio dos perfis empresariais, o processo de comunicação das equipes deverá se tornar mais ágil e eficiente.

Assista Agora: Descubra o jeito certo de criar verdadeiros times de alta-performance e ter a empresa inteira focada em uma única direção.

Kast

De acordo com Gustavo Caetano, CEO da Samba Tech, "estamos vivendo uma era em que todas as pessoas têm acesso ao seu smartphone a todo o momento e acreditamos que os vídeos online têm revolucionado a forma como as pessoas e empresas se comunicam. Ao criar o Kast, juntamos essas duas tendências. Para isso, contamos com uma ampla parceria com a Microsoft que vai além da oferta de tecnologia, e abrange geração de oportunidade de negócios neste passo importante de internacionalização das nossas operações".

Conforme explicado no comunicado de imprensa, o Kast fornece recursos úteis para as empresas, incluindo: Criação de perfil profissional, possibilidade de seguir os canais da empresa e os perfis dos colegas de trabalho, gravações de vídeo e áudio de até dois minutos de duração, criação de canais públicos e privados e segurança nas comunicações.

"As grandes empresas têm dificuldade de engajar os seus funcionários. Com o Kast, o setor de vendas, marketing, RH, engenharia, suporte, liderança e outros podem usar o vídeo para criar e capturar ideias e momentos dinâmicos, ou para trocar informações corporativas de uma maneira nova e interessante", conclui Caetano.

Fonte: ZDNet

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.