Saia justa! Apple bane GIF pornográfico de novo recurso do iMessage

Por Redação | 15 de Setembro de 2016 às 13h25

Dentre as inúmeras novidades que chegaram com a nova versão do sistema operacional móvel da Apple, o iOS 10, uma delas especificamente quase causou um grande transtorno para a Maçã. O aplicativo de mensagens do iPhone, o iMessage, ganhou um novo recurso com a atualização, que não foi divulgado pela Apple: o de incluir GIFs e imagens da web diretamente pelo app. A opção é semelhante à disponível no Facebook Messenger e no Telegram.

Parece até que a Maçã já previa que vinha dor de cabeça por aí. A empresa teve que banir da nova ferramenta de buscas do aplicativo a palavra ‘butt’ (bunda, na tradução literal), depois que o resultado sugeriu uma imagem de um personagem do desenho animado My Little Pony se movimentando em uma posição de apelo sexual, mostrando a calcinha. A ferramenta de buscas por GIFs é alimentada pelo Bing, da Microsoft.

Logo que percebeu o deslize, na manhã desta quarta-feira, 14, a empresa censurou as buscas pela palavra ‘bunda’, em questão. Ainda assim, erros de ortografia de várias partes do corpo ainda resultam em GIFs relacionados, e em pelo menos um deles, é possível encontrar nudez. Pesquisas pela palavra drogas também continua a mostrar resultados.

Foi um descuido estranho, visto que a Apple tem uma posição firme em não permitir pornografia em aplicativos do iOS. Vale lembrar que o novo recurso é usado não só por adultos, mas também por milhões de crianças.

Procurada, a Apple não respondeu imediatamente a um pedido de comentário sobre o caso.

Fontes: The Verge e The Guardian.

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.