Rússia aposta em Hyperloop para interligar Moscou a São Petersburgo

Por Redação | 03.06.2016 às 07:40

A declaração do interesse do Rússia em investir na modalidade de transporte de alta velocidade idealizada pelo bilionário Elon Musk veio do ministro de transportes do país, Maxim Sokolov. "A Rússia está tecnologicamente pronta para lançar projetos em larga escala utilizando o Hyperloop", declarou o ministro em meados de maio deste ano.

O objetivo final do governo é utilizar os trens Hyperloop para interligar todas as regiões deste que é o maior país do planeta. A primeira porção do sistema de transporte deve ligar inicialmente a capital Moscou até a cidade de São Petersburgo, uma distância de cerca de 650 Km.

"De acordo com os padrões de preço praticados na região oeste da Europa, implementar um projeto tão grande como esse pode custar até US$ 21 bilhões. Já aqui na Rússia, este custo não passaria de US$ 12 ou 13 bilhões", declarou o oficial da St. Petersburg State Transport University, Anatoli Zaitse. Segundo ele, o projeto está sendo fundado por investimentos da empresa Gordon Atantic, uma multinacional do setor de desenvolvimento econômico.

1

Com o suporte financeiro da companhia, o projeto já está nos estágios finais para equipar os laboratórios com os materiais necessários para a construção. Um plataforma magnética capaz de levantar materiais pesados já está localizada em São Petersburgo para o início da construção do projeto.

O departamento nacional de ferrovias do país já está trabalhando em conjunto com a Hyperloop One, uma das poucas companhias estadunidenses capazes de desenvolver esse tipo de projeto em larga escala.

A nova parceria foi formada somente há alguns meses, mas as equipes que trabalham no projeto já aguardam os resultados dos estudos e conceitos iniciais para dar o sinal verde para o início da construção do sistema de transporte em alta velocidade dos trens Hyperloop.

Via: Venture Beat