Ranking: os 10 cargos do Google com os maiores salários

Por Redação | 19.08.2014 às 07:45 - atualizado em 07.07.2015 às 18:15
photo_camera Divulgação

Nas últimas semanas, você viu aqui no Canaltech que o Google apareceu no topo de dois estudos feitos aqui no Brasil. Um deles, o Pesquisa Empresa dos Sonhos dos Jovens - realizado pela consultoria Cia de Talentos e pela Nextview People -, constatou que a gigante das buscas é a "empresa dos sonhos" dos jovens brasileiros. O segundo relatório, que fez parte da 9ª edição da Great Place To Work Tecnologia da Informação, mostrou que a companhia é a melhor empresa de TI para se trabalhar.

Obviamente, as condições oferecidas pelo Google em seu ambiente de trabalho são bem atrativas, e são muitas as chances de crescimento. Mas o salário ganho pelos funcionários da corporação é outro grande diferencial que faz a entidade ser uma das mais respeitadas em todo o mercado. Por exemplo, você já se imaginou ganhando quase US$ 13 mil por mês (cerca de R$ 30 mil mensais), o que totaliza algo em torno dos US$ 153 mil (R$ 360 mil) por ano? Esta é a quantia ganha pelos engenheiros de software seniores que trabalham no Google.

Os números fazem parte de uma pesquisa do Glassdoor publicada no último domingo (17). Com base na divulgação anônima de salários de pessoas que trabalham na empresa ou já saíram dela, o relatório mostra quais são os 20 cargos mais bem pagos no Google dos Estados Unidos, comprovando que os engenheiros não são apenas as profissões de maior destaque na companhia, mas também são peças fundamentais para o sucesso dos produtos criados pela empresa. Além dos engenheiros de software, há ainda os engenheiros de vendas, de pesquisa e de confiabilidade.

Veja abaixo os 10 cargos com maiores salários no Google:

1. Engenheiro de software sênior

  • Salário anual: US$ 152.985
  • O que faz: integra o "coração" do Google, ou seja, é o encarregado direto pelo funcionamento de toda a estrutura de programação da companhia.

2. Engenheiro de pesquisa

  • Salário anual: US$ 140.039
  • O que faz: focado no estudo e manutenção de equipamentos (hardware).

3. Gerente de produtos

  • Salário anual: US$ 138.951
  • O que faz: atua como uma ligação entre a área de projetos do Google. Este profissional também está em contato constante com engenheiros de software, de vendas, gerentes de marketing e outros setores da empresa para gerenciar e colocar em prática novas ideias.

4. Cientista pesquisador

  • Salário anual: US$ 135.785
  • O que faz: desenvolve novos projetos que exigem pesquisa científica, como os carros que dirigem sozinhos.

5. Engenheiro de pesquisa de software

  • Salário anual: US$ 126.916
  • O que faz: idealiza novos projetos que podem ser acrescentados à biblioteca de produtos do Google. Os óculos de realidade aumentada Google Glass, criados no laboratório secreto Google X, são um exemplo.

6. Engenheiro de confiabilidade

  • Salário anual: US$ 124.194
  • O que faz: garante que o mecanismo de busca do Google funcione corretamente, sem lentidão ou travamentos, e traga mais qualidade e segurança nos resultados.

7. Engenheiro de vendas

  • Salário anual: US$ 119.603
  • O que faz: ajuda os usuários do Google a resolver problemas técnicos com aplicativos, como o Gmail.

8. Engenheiro de software

  • Salário anual: US$ 118.994
  • O que faz: garante que toda a estrutura de códigos do Google funcione perfeitamente em todos os produtos da companhia, como o buscador e o sistema operacional Android.

9. Gerente de marketing de produtos

  • Salário anual: US$ 118.217
  • O que faz: determina a disseminação do uso dos produtos já lançados pelo Google, como também aquilo que o consumidor mais quer e que ainda não esteja sendo feito pela empresa.

10. Pesquisador de experiência de uso

  • Salário anual: US$ 112.536
  • O que faz: avalia o que os consumidores acham dos produtos do Google, determinando o que é funcional e o que é descartável.

Fonte: Business Insider