Project Fi: vazam novos detalhes sobre a possível operadora móvel do Google

Por Redação | 14 de Abril de 2015 às 11h25

Há pouco mais de um mês, o Google confirmou os rumores de que tem planos de lançar sua própria operadora de telefonia celular. Agora, um novo vazamento revelou mais detalhes sobre o serviço que pode deixar os consumidores norte-americanos muito animados.

Conhecido pelo codinome "Project Fi", o projeto do Google para lançar sua própria operadora móvel com rede virtual (MVNO) inclui chamadas e SMS gratuitos dentro dos Estados Unidos e um formato de cobrança com base nos dados que os usuários realmente consumiram – uma espécie de plano de pagamento por gigabyte – e que ainda oferece reembolso dos créditos de dados não utilizados no final do mês.

Os possíveis detalhes sobre o Project Fi apareceram em um aplicativo chamado "Tycho.apk", que foi incluído em uma compilação não oficial para o Nexus 6. O Tycho é um app de gerenciamento de conta para o serviço e não é algo exatamente extraordinário, pois oferece as mesmas características que esperamos de aplicativos similares de outras operadoras de telefonia.

Project Fi

No entanto, parece que ele permite que os usuários tenham acesso a alguns recursos interessantes apenas por meio do aplicativo. Algumas características sugeridas pelo Tycho incluem suporte para várias linhas por conta, compartilhamento de dados e a capacidade de alternar facilmente números de telefone sem trocar de SIM Card – presumivelmente será preciso usar um Google SIM Card para isso.

Confirmando rumores anteriores, as duas companhias listadas no app são a Sprint e a T-Mobile. Embora não tenha ficado claro qual será o papel específico das operadoras no Project Fi, já ouvimos dizer que as duas devem fornecer dados móveis para a MVNO do Google e os telefones dos usuários mudariam automaticamente para a rede que oferecesse o melhor serviço.

No final das contas, tudo se resume basicamente a uma coisa: custo do serviço. Se o Google entrar no mercado de telefonia móvel com um preço incrivelmente baixo, isso com certeza irá mexer com o mercado. Alguns rumores apontam que a gigante de Mountain View pode cobrar apenas US$ 2 por gigabyte no Project Fi.

A novidade deve ser apresentada oficialmente ao público na próxima conferência da empresa para desenvolvedores, a Google I/O, que acontece no dia 28 de maio em São Francisco, Califórnia (EUA).

Fonte: Android Police

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.