Pelé processa Samsung em US$ 30 milhões por uso indevido de imagem

Por Redação | 30 de Março de 2016 às 10h28
Tudo sobre

Samsung

O ex-jogador de futebol Pelé está processando a Samsung Electronics pela empresa ter feito uso indevido de sua imagem em uma campanha veiculada no jornal The New York Times. Pelé entrou com um pedido de pelo menos US$ 30 milhões contra a fabricante sul-coreana.

A campanha foi publicada no jornal norte-americano em outubro do ano passado e, embora a propaganda não mencione Pelé nem utilize a sua imagem, ela inclui um sósia do jogador ao lado de uma pequena foto de um jogador de futebol realizando um "chute de bicicleta, aperfeiçoado e notoriamente usado por Pelé", alega o processo.

Anúncio Samsung Pelé

A ação foi apresentada neste mês em um tribunal federal de Chicago pela Pele IP Ownership LLC, que é responsável por controlar a marca Pelé e os direitos de imagem do ex-atacante da seleção brasileira. A queixa ainda cita o fato da asiática ter rompido negociações para utilizar a imagem de Pelé para promover seus produtos em 2013, o que colabora para que a propaganda seja vista como uma forma de se aproveitar do Rei do Futebol.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Além disso, a ação deixa claro que, como a principal fonte de renda de Pelé vem de ações publicitárias, o anúncio da Samsung impacta diretamente no valor dos direitos de imagem de Pelé e leva consumidores a acreditarem que ele apoia os produtos da marca.

Fonte: Reuters

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.