Patentes da Samsung revelam smartphones e tablets com telas flexíveis

Por Redação | 03 de Dezembro de 2015 às 10h39

Cansado do formato do seu smartphone? Não consegue mais achar o tablet que mais parece uma prancheta digital atraente? Pois a Samsung pode trazer a solução para essa sua insatisfação muito em breve. A empresa segue investindo pesado na criação de telas mais flexíveis e novas patentes descobertas recentemente mostram que ela está mesmo interessada em introduzir novos formatos de dispositivos em um futuro próximo.

Esses documentos contam com vários exemplos propostos pela companhia sul-coreana que mostram como é possível trazer smartphones e tablets bem diferentes dos modelos atuais a partir do uso de telas flexíveis. Afinal, alguém consegue imaginar um aparelho que pode ser enrolado? Pois um dos modelos patenteados faz exatamente isso e funciona quase como se fosse um pergaminho antigo que o usuário precisa desenrolar para ter acesso às suas funções básicas.

Parece algo absurdo, mas que faz bastante sentido quando analisamos as vantagens desse formato. Como a imagem de demonstração apresenta, ao adotar essa forma, o aparelho uniria muito bem portabilidade e grandes telas. Assim, quando enrolado, o aparelho teria as dimensões de um pequeno tubo e não ocuparia tanto espaço, mas traria um display do tamanho ideal para o uso cotidiano.

Samsung flexível
Samsung flexível

Outros exemplos mostrados pela Samsung trazem um modelo que literalmente pode ser dobrado ao meio. É como se você fechasse o seu smartphone para que ele ficasse com a metade do seu tamanho na hora de guardá-lo. No caso dos tablets, isso seria a alegria de quem quer levá-lo sem precisar se preocupar em carregar bolsas maiores para isso. Da mesma maneira, a terceira ilustração faz isso, mas de uma forma um pouco mais bizarra, de cima para baixo, e ainda traria acesso rápido a alguns aplicativos em uma das partes da tela — incluindo um app para o iPod, da Apple.

Samsung flexível

Segundo a empresa em seus registros, esses dispositivos usariam uma tela OLED ou um LCD flexível no lugar da película de vidro usada nos aparelhos atuais. Ainda assim, por mais interessante que seja cada uma dessas propostas, vale lembrar que nem sempre essas patentes acabam saindo do papel e que, na maioria dos casos, esses registros servem mais para proteger as ideias das companhias do que para indicar um futuro lançamento. Mas vamos combinar que seria bem interessante ver alguns desses modelos chegando às lojas.

Via: Patently Mobile, The Next Web

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.