Para tristeza de muitos, novo Apple Watch ainda dependerá do iPhone

Por Redação | 19.08.2016 às 11:58

Quem achava que a nova versão do Apple Watch funcionaria sozinho, independente do iPhone, pode se decepcionar e ter de esperar um pouco mais até que isso aconteça de verdade. De acordo com funcionários da Apple que trabalham na área, a empresa até tentou tornar o relógio menos dependente do telefone inserindo um slot para chip de operadora no smartwatch, mas a ideia não vingou, principalmente por causa do alto consumo de bateria.

Isso não quer dizer que o relógio nunca será totalmente independente. Ao que tudo indica, a Apple continuará estudando novas alternativas para isso, mas essa novidade não deverá aparecer tão cedo. Na verdade, de acordo com rumores, especula-se que os grandes atrativos da nova versão do Apple Watch deste ano ficarão a cargo das melhorias no acompanhamento da saúde, com a presença do sensor de batimento cardíaco e o aplicativo Saúde mais completo, além do tão esperado GPS integrado. Na área da saúde, o aplicativo deverá ganhar novas funções como monitoramento de vários esportes, produção de relatório com todas as estatísticas do treino e até mesmo uma função para monitorar a respiração.

Apple Watch

O rumor sobre o GPS também não é novo e paira sobre a internet desde o começo do mês de agosto, quando um relatório da Apple vazou informado sobre os planos da empresa para lançar seu relógio inteligente em duas variantes, uma mais simples com atualizações básicas, como processador mais moderno; e outra mais completa, com GPS e barômetro. Esse mesmo arquivo vazado fazia referência a um possível suporte a redes 4G na versão topo de linha, mas, pelas novas informações, a empresa chegou à conclusão de que isso afetaria consideravelmente o tempo de uso da bateria e que a função ficará para uma futura atualização do relógio.

O sistema de localização equipado diretamente no dispositivo vai trazer maior precisão no rastreamento do trajeto realizado e no monitoramento de atividades físicas, incluindo várias modalidades de esportes além de corrida. Ainda não se sabe quando será o lançamento do que vem sendo chamado de Apple Watch 2, mas acredita-se que ele será apresentado junto com os novos iPhones em setembro. Outros informantes, por outro lado, dão conta que há chances de a Apple organizar um evento dedicado exclusivamente para a nova geração do relógio inteligente.

Via: Mashable