Oracle perde novamente para o Google em processo sobre APIs

Por Redação | 30 de Setembro de 2016 às 12h13

A Oracle perdeu novamente na justiça dos Estados Unidos ao processar o Google por quebra de direitos autorais, por conta de uma utilização indevida de códigos Java na construção do sistema operacional Android.

O pedido de recurso da Oracle foi negado em um tribunal federal da Califórnia (EUA). Essa é a segunda derrota da empresa de Larry Ellison, já que em maio o júri tinha apreciado o caso e deu ganho para a empresa de Mountain View.

O juíz William Aslup, responsável pelo caso, negou o pedido de retomada do processo. Além disso, ele recusou o pedido da Oracle em solicitar um novo julgamento.

No processo, a Oracle queria uma indenização de US$ 9 bilhões, alegando que o Google usou 37 APIs do Java para desenvolver o seu sistema operacional para dipositivos móveis.

Desde o início do processo, a opinião de diversos especialistas do mercado foi de oposição à Oracle, afirmando que este discurso de propriedade poderia abrir um precedente perigoso para o desenvolvimento de software. Segundo eles, o uso de APIs são importante para o ambiente de inovação.

Fonte: IDG

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.