O mundo que você conhece não existe mais!

Por Fernando D´Angelo | 13 de Novembro de 2017 às 20h06

O mundo está em ebulição, e está causando um turbilhão nos negócios. A revolução tecnológica já está trazendo soluções mais eficientes, sustentáveis, rápidas e baratas para diversos setores, desde a agroindústria e passando pelos serviços, commodities, indústrias, turismo, saúde e vários outros setores.

Segundo Luís Rasquelha (Inova Consulting) em palestra na HSM Expo 2017, estamos vivenciando a quarta revolução industrial, que é baseada em informação e conectividade, e está mudando a lógica do modelo comportamental. Cada vez mais queremos produtos melhores, mais sustentáveis, mais baratos, e que sejam entregues mais rapidamente. Junto a esta mudança comportamental, há uma evolução tecnológica exponencial que é capaz de entregar esses desejos de mercado.

Ou seja, de um lado temos um mundo estabilizado e confortável, onde encontramos nossos valores e comportamentos enraizados junto ao modelo tradicional de trabalho e negócios. De outro lado, temos essa onda de mudança comportamental potencializada pela evolução tecnológica que está mudando a forma como trabalhamos, vivemos e consumimos.

Inteligência artificial, mobilidade, Internet das coisas e de tudo, realidade virtual, Big-Data, sistemas colaborativos e compartilhados, acesso fácil à energia solar, veículos autônomos, dessalinização da água do mar, compreensão do genoma humano, biotecnologia... Tudo isso já está acontecendo, e enquanto isso 90% das empresas tradicionais e seus funcionários ainda pensam e agem da forma tradicional dentro das corporações.

A explicação é simples, e pode ser descrita em uma frase cunhada por Fernando Rodrigues (ICN Agency): “Um corpo em repouso continuará em repouso, se a cama estiver quentinha”. É o chamado princípio da estabilidade regular, e está intimamente alinhado com o conceito de necessidade de estabilidade e zona de conforto. E este modelo não serve mais, pois a inversão comportamental trouxe uma nova realidade onde as empresas devem se adaptar ao mercado, e não o contrário. E não há como barrar essa transformação.

Temos na mão a maior transformação da história da humanidade. Você vai participar ou vai ficar parado?

Agradecimentos: À HSM Expo 2017 pelo convite para acompanhar o evento.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.