Novo cabo submarino do Google conectará São Paulo a Rio de Janeiro

Por Redação | 15.03.2016 às 13:44 - atualizado em 17.03.2016 às 16:41
photo_camera Divulgação

O Google anunciou nesta terça-feira (15) que irá ligar as duas maiores metrópoles brasileiras com uma rede submarina de alta velocidade, com tecnologia nacional. O novo cabo de fibra óptica entre São Paulo e Rio de Janeiro será desenvolvido em parceria com a Padtec, empresa de Campinas que fornece tecnologia de comunicações ópticas, que será responsável por gerenciar e executar a sua implantação.

Chamado de Júnior, uma homenagem ao pintor e desenhista brasileiro José Ferraz de Almeida Júnior (1850-1899), o cabo ligará a Praia da Macumba, no Rio de Janeiro, à Praia Grande, na Baixada Santista, uma distância de aproximadamente 390 quilômetros. O início da operação do sistema está previsto para o segundo semestre de 2017.

Repetidor da Padtec

A solução turnkey fornecida pela Padtec será composta por oito pares de fibra e de três repetidores submarinos desenvolvidos pela empresa. O cabo oceânico se interconectará com outros dois na América Latina, ambos previamente anunciados pelo Google. O primeiro deles é o Monet, um cabo de 10 mil quilômetros que conectará Boca Raton, no estado americano da Flórida, às cidades de Fortaleza e Santos. O segundo é o Tannat, que se estenderá por 2 mil quilômetros de Santos até Maldonado, no Uruguai.

Segundo Cristian Ramos, gerente de parcerias de desenvolvimento de infraestrutura de internet do Google para a América Latina, juntos, estes três cabos vão ajudar a suprir a demanda no Brasil por soluções digitais rápidas e confiáveis.

Fonte: Blog do Google Brasil