Moto X e Moto Z devem coexistir com propósitos distintos, afirma Motorola

Por Redação | 10 de Junho de 2016 às 20h00

Quando os novos Moto Z e Moto Z Force foram anunciados, na última quinta-feira (9), muitos pensaram que ali morreria a icônica linha Moto X, da Motorola, criada em 2013 quando a empresa ainda estava sob os domínios do Google. Pois bem, contrariando a este pensamento, a fabricante acaba de lançar uma nota oficial à imprensa, onde alega que a linha Moto X está "viva e indo muito bem". A resposta está na íntegra logo abaixo e foi dada ao Android Police, quando o site questionou a empresa sobre os motivos da suposta mudança.

"A linha Moto X está viva e indo muito bem. Na verdade, acabamos de lançar o Moto X Force em uma série de novos mercados ao redor do globo. O Moto X e o Moto Z compartilham sim algumas boas qualidades, mas, é importante lembrar, ambos provêm experiências diferenciadas e coexistem para fazer nosso portfólio maior e mais robusto para os consumidores que procuram o smartphone perfeito às suas necessidades. Acreditamos que os mais entusiastas em tecnologia adotarão o Moto Z e seus mods como telefone principal a partir de agora."

De fato, a notícia não vem bem como esperávamos. Não há nenhum indício de que a Motorola esteja planejando um novo Moto X para 2016 — ambos os Moto X Style e Play são de julho de 2015. A declaração pode até mesmo servir mais para acalmar os donos desses dispositivos do que realmente para prometer um novo lançamento nesta linha.

Embora tudo ainda seja muito incerto, uma coisa parece ter sido clara por parte da fabricante: a linha X não será mais o carro-chefe da empresa a partir de agora e, se continuar mesmo com lançamentos no futuro, é provável que esses sejam mais modestos em hardware, recursos e até mesmo em preço.

Fonte: Android Central

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.