Motorista alega que carro autônomo Tesla X causou o próprio acidente

Por Redação | 06 de Junho de 2016 às 18h35
photo_camera fortune.com

O futuro com carros autônomos soa incrível, mas o caminho até lá pode ser perigoso. Nesta segunda-feira (6), um homem alegou que seu carro autônomo da Tesla acelerou sozinho ao estacionar, perdendo o controle e colidindo com uma loja. Puzant Ozbag contatou a Tesla e compartilhou a experiência no fórum da empresa em busca de situações similares.

Ozbag relatou que o SUV modelo X com uma semana de uso teve uma rápida e inesperada aceleração, subiu no canteiro e colidiu frontalmente com uma loja. O sistema de airbags foi disparado e sua esposa ficou com ferimentos no braço. Segundo o motorista, o acidente poderia ter sido fatal caso não houvesse o canteiro para segurar o carro.

Recentemente, a Tesla sofreu uma acusação de que outros dois carros teriam causado acidentes. Em um deles, a função "chamar" (em que o carro se desloca até o motorista) e a "TACC" (controle de tráfego) teriam sido a causa.

Todos os veículos da Tesla enviam informações sobre a condução que podem ser acessadas remotamente. Apesar de parecerem intrusivas, elas são úteis e necessárias para um futuro no qual carros poderão ser completamente autônomos. Este também é um método da empresa se proteger de possíveis processos legais a respeito de quem estaria dirigindo o veículo em caso de acidentes.

A empresa ainda não se pronunciou oficialmente quanto ao acidente reportado por Puzant Ozbag. De qualquer maneira, é sempre bom lembrar que dormir no volante não é uma boa ideia mesmo em um carro autônomo.

Via The Next Web

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.