Microsoft lança versão Linux para sua Máquina Virtual de Ciência de Dados

Por Redação | 14 de Abril de 2016 às 08h20

Nesta quarta-feira (13), a Microsoft anunciou no blog Cortana Intelligence and Machine Learning que a Máquina Virtual de Ciência de Dados (ou DSVM - “Data Science Virtual Machine”) também está disponível para o ambiente Linux.

Na publicação, o diretor sênior do programa, Gopi Kumar, disse que “esta é uma VM personalizada construída sobre o OpenLogic CentOS baseado em Linux na versão 7.2, e contém várias ferramentas populares da ciência de dados utilizadas por cientistas de dados, desenvolvedores, educadores e pesquisadores. Alguns dos usos comuns para a DSVM incluem: realização de análises avançadas para obter insights de dados, construção de aplicações inteligentes, executar classes de educação/formação de ciência de dados e executar hackatons e competições”.

Com a tecnologia, os usuários conseguirão economizar bastante tempo e empenho que seriam necessários caso eles configurassem manualmente seu ambiente de desenvolvimento. Agora, com a integração com o Linux, a Máquina Virtual oferece uma extensa lista de ferramentas pré-instaladas e pré-configuradas.

A DSVM é um ambiente poderoso para o desenvolvimento de ciência de dados, permitindo executar várias tarefas de exploração e modelagem de dados. O ambiente já vem compilado e agrupado com ferramentas que facilitam o início rápido de implantações.

A nuvem do Azure continuará oferecendo tanto a DSVM para Windows quanto a versão para Linux. Para novos usuários, a loja disponibiliza um mês de uso gratuito e um crédito de US$ 200 para gastar nas aplicações de seu catálogo.

Fonte: Cortana Intelligence and Machine Learning Blog

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.