Microsoft irá divulgar suas finanças baseadas em três segmentos

Por Redação | 30 de Setembro de 2015 às 16h51

Apenas dois anos após mudar sua estrutura de relatório financeiro, a Microsoft anunciou que está fazendo uma nova mudança. A partir da divulgação fiscal referente ao ano de 2016, que começou em 1º de julho, a Microsoft irá divulgar seus resultados divididos em três segmentos. Tais segmentos dividirão os produtos e serviços ofertados pela empresa americana.

O primeiro será o de "Produtividade e Processos", composto pelo Office, Office 365 e produtos similares. Já o segundo segmento será o de "Nuvem Inteligente" (Intelligent Cloud), que irá incluir todos os softwares empresariais back-end, serviços baseados em nuvem, como o Azure, e produtos que não se beneficiam da nuvem, como o Windows Server. O terceiro segmento que constará no relatório financeiro da Microsoft é o de "Computação Pessoal". Serão incluídos nesta categoria o Windows, Xbox, dispositivos móveis como smartphones e o tablet Surface, além de serviços online como o Bing.

Os novos segmentos serão mostrados durante a próxima divulgação de ganhos da empresa para o trimestre encerrado em 30 de setembro. Durante a maior parte da década de 2000, a Microsoft apresentou as suas finanças em categorias bastante simples: Windows, Office e produtos relacionados, hardware, e assim por diante.

A partir do ano fiscal de 2014, a empresa mudou para cinco segmentos, que separaram tipos de produtos semelhantes em categorias diferentes. Já os novos segmentos implementados pela Microsoft são mais consistentes, no entanto menos específicos, visto que há uma grande quantidade de produtos em cada categoria. Isso pode ocultar o mau desempenho de um determinado produto ou esconder as ótimas vendas de outros.

Via Business Insider

Fonte: http://www.businessinsider.com/microsoft-financial-reporting-structure-changes-2015-9

Instagram do Canaltech

Acompanhe nossos bastidores e fique por dentro das novidades que estão por vir no CT.