Marissa Mayer teria gasto US$ 7 milhões em festa de fim de ano do Yahoo

Por Redação | 21 de Dezembro de 2015 às 12h40

De acordo com um relatório de 99 páginas de Eric Jackson, um dos acionistas do Yahoo!, a hora de Marissa Mayer deixar o cargo de CEO da empresa chegou. Jackson utiliza em seu relatório vários gastos para provar que Mayer tem utilizado o dinheiro da companhia de maneira irresponsável e, assim, tentar convencer o conselho da empresa a demitir a executiva.

O acionista ressaltou no documento que os funcionários da empresa têm recebido regalias desnecessárias, como um iPhone grátis todos os anos e comida a vontade. Ele estima que o Yahoo! tem gasto somente em alimentação US$ 450 milhões ao longo de quatro anos.

Além disso, Jackson detalhou os recentes gastos com patrocínios. Mayer apoiou a grande conferência em Davos, na Suíça, que custou à empresa US$ 1.2 milhão, envolvendo patrocínio e todos os outros custos com transporte e estadia. Outro evento citado é o Met Ball Gala, que reuniu várias celebridades e que custou US$ 3 milhões aos cofres da companhia.

O documento também conta com informações sobre os gastos e estimativas que Marissa Mayer dedicou às festas e confraternizações corporativas da empresa. Jackson afirma que na festa realizada em dezembro de 2014, somente uma sessão de fotos custou US$ 70 mil. Neste ano, a festa de Natal da empresa, no Pier 48, em San Francisco, custou US$ 7 milhões.

Relatório Yahoo

Além destas informações, o acionista inseriu em seu relatório a compra da Polyvore, que segundo ele foi uma aquisição ilógica. Em julho de 2015, Mayer destinou US$ 230 milhões para adquirir o e-commerce de vestuário que muitos especialistas do mercado afirmavam não ter nenhum potencial. Jackson ainda disse que os salários dos executivos da empresa são absurdamente altos, especialmente o de Mayer. De acordo com a estimativa de Jackson, a CEO deverá receber em todos os seus cinco anos de trabalho US$ 365 milhões.

O relatório de 99 páginas também conta com uma estratégia de reformulação da empresa, que inclui a substituição de Marissa Mayer do cargo de CEO e corte de 12 mil funcionários, deixando o Yahoo! com apenas 3 mil empregados.

Fonte: Business Insider

Fonte: http://www.businessinsider.com/yahoo-ceo-marissa-mayer-blows-millions-on-parties-and-sponsorships-says-eric-jackson-2015-12

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.