Malware roubou contas de 225 mil usuários da Apple

Por Redação | 01 de Setembro de 2015 às 11h53
photo_camera Gizmodo

Membros do grupo China WeipTech e pesquisadores da Palo Alto Networks descobriram um vírus que teria afetado cerca de 225 mil contas de usuários da Apple. Apelidado de KeyRaider, o malware permite que os atacantes baixem aplicativos pagos, realizem compras na App Store e ainda "sequestrem" iPhones e iPads, exigindo um resgate.

Os aparelhos que foram atingidos são desbloqueados, ou seja, passaram pelo processo de jailbreak. As vítimas, em sua maioria chinesas, primeiro fizeram o jailbreak, removendo as restrições do iOS, e em seguida instalaram um aplicativo de uma loja não autorizada.

Um estudante da Universidade de Yangzhou descobriu o ataque em julho deste ano depois que ele e outros membros de um grupo técnico amador começaram a investigar relatos de que as contas de alguns usuários estavam sendo utilizadas para fazer compras não autorizadas. Ao examinar os vários desbloqueios, eles encontraram uma versão que recolhia informações dos usuários e fazia upload em um site suspeito.

O vice-presidente sênior da NTT Com Security, Chris Camejo, tentou tranquilizar os usuários da Apple. "Ela [a violação] afeta apenas os telefones desbloqueados que utilizam lojas alternativas de aplicativos e demonstra porque temos aconselhado a não desbloquear os dispositivos com jailbreak", afirmou Camejo.

A Apple ainda não se pronunciou sobre o ocorrido. Segundo a Palo Alto Networks, a ameaça pode ter impactado aparelhos em 18 países.

Via Re/Code

Fonte: http://recode.net/2015/08/31/malware-targets-jailbroken-iphones-steals-some-225000-apple-accounts/

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.