Lucros da Samsung podem ultrapassar os da Apple pela primeira vez

Por Redação | 07.07.2017 às 09:50

Uma mudança no topo do mercado pode estar prestes a acontecer, caso as previsões de analistas estejam corretas. Após a revelação de um lucro de US$ 12,3 bilhões pela Samsung, a expectativa do mercado é que a empresa sul-coreana ultrapasse a Apple pela primeira vez na história, desde que elas se tornaram as grandes personagens do mercado mobile mundial.

Apesar do bom desempenho da linha 2017 de dispositivos, principalmente o Samsung Galaxy S8, foi a performance das divisões de componentes da fabricante – principalmente telas e microchips – que levaram ao aumento nos lucros. O valor deve ser maior que o registrado pela Apple, já que, de acordo com os analistas, a expectativa para a Maçã é de ganhos na faixa dos US$ 10 bilhões.

São resultados gigantescos para ambas, claro, mas uma análise rápida do crescimento mostra que a ultrapassagem tem mais a ver com o crescimento da Samsung do que com uma queda nos totais da Apple. Enquanto a empresa de Cupertino costuma ter um começo de ano mais devagar, por conta da ausência de lançamentos e do fim da animação que envolve o lançamento de novos iPhones no final do ano, a fabricante sul-coreana vem em ritmo cada vez mais acelerado.

Prova disso é o aumento de 17,7% nos lucros em relação ao primeiro trimestre deste ano e de nada menos do que 72% quando se compara o período atual com o do ano passado. A companhia, cada vez mais, comprova ter deixado o pesadelo do lançamento do Galaxy Note 7 para trás e, por meio de reestruturação interna, lançamento de bons dispositivos e grandes parcerias nos setores de componentes – o que inclui contratos de venda até mesmo com sua rival, a Apple – tem conseguido se recuperar.

Falando assim, até parece um caminho fácil, mas, além de lidar com os problemas do Galaxy Note 7, a companhia também encontrou um terror judicial pelo caminho quando um de seus diretores, Jay Y. Lee, foi preso acusado de participar de um grande esquema de corrupção junto à presidente da Coreia do Sul, Park Geun-Hye. A líder sofreu impeachment e, junto com o executivo, enfrenta agora um julgamento por seus atos.

Os números da Apple devem ser divulgados em agosto, conforme o planejamento usual. É lá, então, que saberemos se o mercado mobile tem um novo líder, mas, principalmente, o que todo mundo quer descobrir é se a Samsung será capaz de manter os bons resultados, principalmente com a aproximação de uma nova geração de iPhones.

Fonte: Telegraph