LG reporta prejuízo líquido de US$ 224 milhões e a culpa, de novo, é do G5

Por Redação | 25.01.2017 às 08:16

Se arrependimento matasse, talvez a LG já estivesse morta. É que a empresa sul-coreana revelou nesta quarta-feira (25) que teve um prejuízo líquido de US$ 223,98 milhões no quarto trimestre de 2016 - e o grande culpado disso foi o G5, o smartphone modular que não decolou.

Em seu relatório financeiro, a LG disse que a arrecadação foi positiva, chegando a US$ 12,79 bilhões - uma alta de 11,7% em relação ao trimestre anterior e de 1,5% no comparativo ano a ano. O grande problema, porém, foi que a empresa não conseguiu tirar nenhum lucro disso tudo. Para se ter uma ideia, há um ano a LG reportou lucro líquido de US$ 348,9 bilhões - algo bastante assustador diante do prejuízo de hoje.

Para a surpresa de poucos, a principal responsável por esse tombo gigantesco foi a LG Mobile Communications, segmento da empresa responsável por gerenciar seu negócio mobile. Ao todo, ela arrecadou US$ 2,51 bilhões, valor 15% superior em relação ao trimestre anterior, mas 23% abaixo do mesmo período do ano passado.

E o grande culpado por esse desempenho pífio foi o G5, o smartphone modular que surgiu como uma grande aposta e que acabou não decolando. "Nossa lucratividade foi prejudicada pelas fracas vendas do G5 e pelos altos investimentos em marketing", reconheceu a LG.

Com uma proposta ousada de modularidade, o LG G5 acabou não convencendo o público e vendendo bem menos que o esperado pela empresa
Com uma proposta ousada de modularidade, o LG G5 acabou não convencendo o público e vendendo bem menos que o esperado pela empresa (Reprodução: LG)

O topo de linha foi tão mal nas vendas que a fabricante sequer revelou quantas unidades ele vendeu. Por esse motivo, agora a LG resolveu deixar de lado a ideia de modularidade do G5 e já confirmou que neste ano o G6 voltará à tradicionalidade. Prova disso é que nesta semana vazou a primeira imagem oficial do novo high-end, e ela mostra que ele virá com um display com cantos arredondados e que ocupará praticamente toda sua parte frontal.

Diante desse desastre financeiro todo, é bastante óbvio que o G6 carrega uma grande responsabilidade consigo. Com anúncio marcado para o Mobile World Congress 2017, que inicia no próximo dia 27 de fevereiro em Barcelona, ele será o responsável não só por trazer a LG de volta aos trilhos como também alavancar as contas da empresa e fazê-la sair do vermelho. Será que ele consegue?

Fonte: LG Newsroom