Instituto de Deep Learning, da NVIDIA, treinará 10 vezes mais desenvolvedores

Por André Fogaça | 09.05.2017 às 15:31

Durante a GTC 2017, evento para desenvolvedores realizado na primeira semana de maio, em San José, nos Estados Unidos, a NVIDIA apresentou novos números para seu instituto de Deep Learning. Em 2017 o DPI contará com 10 vezes mais vagas do que no ano passado.

Este aumento na oferta de vagas do instituto aparece logo depois de uma pesquisa da IDC, que aponta 80% de uso de ferramentas de inteligência artificial em praticamente todos os produtos, até 2020. Os treinamentos ocorrem em eventos próprios da NVIDIA, em empresas parceiras, como Alibaba, Adobe e SAP, partes do governo dos Estados Unidos e institutos de Barcelona e também India.

Estes treinamentos utilizam hardware e tecnologias da NVIDIA, junto de serviços online da Amazon, Facebook, Google e outros, focando em criar tecnologias para alimentar o Deep Learning, crucial para a fomentação de inteligência artificial em todo o planeta. Além de aumentar de 10 mil para 100 mil inscritos, a NVIDIA vai mirar os estudos em carros autônomos, serviços de saúde, serviços em nuvem, robótica, análise em tempo real de vídeos e também serviços financeiros.

Se você estiver interessado em concorrer aos cursos e aulas da NVIDIA, basta acessar www.nvidia.com/dli e seguir as instruções — em inglês.