Índia investirá US$ 60 milhões em supercomputador capaz de prever monções

Por Redação | 16 de Junho de 2016 às 07h39

A agricultura indiana depende (e muito!) das monções de verão, que regulam os períodos de chuva na região entre os meses de maio e setembro. E conseguir prever adequadamente essas monções é essencial para que os agricultores saibam qual o melhor período para iniciar um cultivo, a fim de colhê-lo na época adequada. O problema é que a Índia ainda utiliza um método antiquado de previsão meteorológica, mas o governo do país deseja modernizar suas previsões investindo US$ 60 milhões em um supercomputador capaz de prever o clima com precisão.

A máquina realizará a previsão do tempo com modelos 3D de 29 estados de maneira rápida e confiável, e, apesar do enorme investimento, o governo indiano ainda não revelou quem será o desenvolvedor do equipamento, mas disse que ele será 10 vezes mais veloz do que o computador utilizado atualmente para prever o clima do país - computador este fornecido pela IBM.

De acordo com cientistas do governo, o supercomputador conseguirá as informações a partir de dados coletados por aviões, satélites e balões meteorológicos, e o objetivo do projeto é que o novo sistema de previsão de monções já esteja operando antes da próxima temporada, que acontecerá entre junho e setembro de 2017 e fornecerá 80% do volume de chuva de todo o ano. Espera-se, ainda, que o dispositivo ajude a produção agrícola indiana a crescer até 15%.

Fonte: Reuters

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.