IBM adquire empresa de armazenamento de dados para sua estratégia híbrida

Por Redação | 08.10.2015 às 09:38

Nesta semana, a IBM anunciou a aquisição da Cleversafe, uma fornecedora de armazenamento de dados sediada em Chicago. Embora não tenha divulgado nenhum termo referente ao negócio, sabe-se que a Big Blue foi às compras para reforçar sua estratégia de armazenamento em nuvem híbrida.

A Cleversafe, fundada em 2004, sempre esteve à frente no que diz respeito a tecnologias de armazenamento de dados. Segundo o site da empresa, toda a revolução dos dados que ocorreu nos últimos anos já era prevista pela companhia, que elaborou estratégias para lidar com isso. Empresas como Lockheed Martin, HP e IBM se tornaram sócias da Cleversafe ao longo dos anos.

"A empresa utiliza algoritmos exclusivos para cortar dados em pedaços e remontar as informações a partir de um único exemplar, em vez de simplesmente fazer várias cópias de dados. Como resultado, a Cleversafe pode armazenar dados significativamente mais baratos e com maior segurança", informa um comunicado emitido pela IBM.

A Cleversafe detém mais de 350 patentes relacionadas a essa tecnologia. A empresa trabalha com clientes com grandes quantidades de dados, incluindo a Shutterfly para armazenamento de fotos e a Sky para armazenamento de mídias.

Com a aquisição, a IBM poderá ajudar seus próprios clientes a lidar com a crescente quantidade de dados multimídias não estruturados como fotos, vídeos e arquivos de áudio, que acabam criando arquivos enormes que exigem uma quantidade absurda de espaço de armazenamento. A aquisição também se encaixa com o crescente compromisso da IBM para ajudar os clientes a construir uma ponte para a nuvem híbrida. A companhia tem feito grandes movimentos em relação a nuvem híbrida como parte de sua estratégia global.

A norte-americana reconhece que nem todas as cargas de trabalho podem facilmente ser traduzidas para a nuvem, por isso investe no desenvolvimento de uma estratégia que visa ajudar os clientes a construir uma abordagem híbrida para o armazenamento. A Network Storage Difuso da Cleversafe deve se encaixar com as ferramentas de espectro da IBM.

A IBM planeja dobrar a capacidade da Cleversafe em sua unidade de nuvem assim que o negócio for finalizado. Enquanto a Big Blue tem uma grande dose de experiência em incorporar peças adquiridas em sua unidade de nuvem, é sempre difícil prever o quão bem esses tipos de fusão acontecem. Os serviços da Cleversafe e os funcionários da empresa deverão ser incorporados à IBM por completo.

Via TechCrunch

Fonte: http://techcrunch.com/2015/10/05/ibm-acquires-cleversafe-to-accelerate-hybrid-cloud-storage-strategy/#.tmqkmm:9gqi