Huawei tem crescimento de 43,8% em segmento empresarial

Por Redação | 12 de Abril de 2016 às 21h05

2015 foi um ótimo ano para a Huawei. A companhia chinesa registrou um crescimento de 43,8% em seu segmento empresarial, chamado internamente de Enterprise Business Group, chegando a um faturamento total de US$ 4,25 bilhões na onda da forte demanda dos clientes por serviços de tecnologia da informação e comunicação.

Em mais um episódio das mudanças que acontecem no mercado corporativo, a companhia atribuiu esse crescimento acelerado aos sistemas que oferece nas áreas da Internet das Coisas, computação na nuvem, redes, Big Data e SDN. Além disso, citou setores essenciais como os de energia, finanças, segurança pública e transportes como os principais motivadores desse resultado.

Em 2015, a empresa também deu bastante foco em sua união com revendedores e parceiros comerciais, e o resultado disso foi um total de 76% de todas as vendas sendo oriundas desses canais, um crescimento de 47% em relação a 2014. A ideia aqui é que eles atuem não apenas como representantes da marca chinesa, mas se envolvam com ela e ajudem a desenvolver soluções de acordo com necessidades regionais.

Esse tipo de foco também foi um ponto ao qual David He, o presidente de marketing e vendas da Huawei EBG, chamou a atenção. Ele afirmou que os bons resultados no setor de tecnologia da informação e comunicações são frutos de parcerias com desenvolvedores e clientes. A empresa diz conhecer os desafios e saber que qualquer deslize pode ser suficiente para que ela fique para trás, e, sendo assim, trabalha lado a lado com seus parceiros no desenvolvimento conjunto de soluções, de forma que elas mais do que atendam às demandas, mas sejam voltadas para elas.

É o caso, por exemplo, de uma solução chamada Safe City, um sistema voltado para centrais de segurança pública e policiamento que integra redes de câmeras de segurança e comunicações, facilitando o trabalho de vigilância. A plataforma está presente em mais de 100 cidades de 30 países. Nota positiva, também, para as soluções de TI para o mercado financeiro, em um trabalho que está sendo realizado com 10 bancos de todo o mundo para levar em conta a computação na nuvem e o Big Data na análise de clientes, oportunidades e manutenção.

Fonte: Huawei

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.