HTC vai vender fábrica para financiar seu negócio de realidade virtual

Por Redação | 16 de Março de 2017 às 15h16
photo_camera Divulgação
Tudo sobre

HTC

A HTC vai vender uma de suas fábricas para reunir fundos e investir no seu negócio de realidade virtual. A informação foi confirmada pelos investidores da empresa taiwanesa.

A fábrica de 114 mil metros quadrados fica localizada em Xangai e será vendida para uma empresa chamada Xingbao Information Technology. A transação também inclui um lote de terra e vai render à HTC um valor líquido equivalente a cerca de US$ 91 milhões.

De acordo com a HTC, a venda deste ativo atenderá às suas necessidade de ajuste operacional, além de ajudar a "expandir os seus negócios de realidade virtual". A venda da fábrica de Xangai não afetará o negócio de smartphones da HTC, disse a empresa.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

O HTC Vive, headset de realidade virtual da empresa, teve um bom começo com 140 mil unidades vendidas nos primeiros sete meses, cada uma delas por cerca de US$ 800. Durante todo o ano de 2016, estima-se que 450 mil unidades foram vendidas, gerando US$ 360 milhões em receita bruta para a HTC.

A empresa está mesmo empenhada em ver o mercado de realidade virtual crescer, tanto que, no início do ano, a HTC anunciou o "VR For Impact", um programa que trará um fundo de US$ 10 milhões para apoiar tecnologias e conteúdo em VR para apoiar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas (ONU) até 2030.

O fundo criado será direcionado a parceiros da indústria e desenvolvedores de conteúdo, financiando as "melhores ideias" que usem realidade virtual para criar "mudanças positivas no mundo".

Via Ubergizmo

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.