HP anuncia suas próprias impressoras 3D

Por Redação | 17 de Maio de 2016 às 13h14
photo_camera https://qzprod.files.wordpress.com/2016/05/hp_jet_fusion_3d_

A HP anunciou hoje (17) que vai lançar dois modelos de impressoras 3D. O diferencial das máquinas da empresa é a capacidade de produzir objetos até dez vezes mais rápido com economia de até 50%. Os modelos chamados Jet Fusion 3200 e 4200 serão impressoras voltadas para uso comercial, e já devem vir da fábrica prontas para uso. Diferente dos outros modelos mais baratos da HP, o modelo mais básico da linha Jet Fusion vai custar caro: a partir de U$130.000 (cerca de R$ 455.000 em conversão direta).

A empresa já vinha dando sinais de que iria entrar nesse segmento de mercado durante os últimos dois anos. Em uma conferência de impressão 3D realizada em 2015, a companhia demonstrou uma corrente de plástico impressa em um dos protótipos e capaz de levantar o peso de um carro. Confira a demonstração no vídeo abaixo:

O responsável pelo setor de impressão 3D da HP, Stephen Nigro, declarou que os modelos em produção serão duráveis e confiáveis. Metade das peças utilizadas na fabricação do produto serão impressas por outras impressoras 3D: "Estamos criando uma impressora que vai se imprimir sozinha."

A HP deve manter o foco inicial em máquinas capazes de imprimir produtos em plástico de forma confiável, mas a empresa também vai lançar uma loja oficial de materiais chamada "Material App Store". Na loja, outras fabricantes poderão explorar e desenvolver diferentes materiais capazes de serem utilizados nas máquinas da linha HP Jet Fusion. A empresa já trabalha internamente em outras impressoras 3D capazes de imprimir até placas de circuito integrado.

Nigro destacou que o processo de impressão 3D da HP é econômico, e em alguns casos pode até substituir outros métodos tradicionais de fabricação de produtos. Os dois modelos anunciados são capazes de imprimir cerca de 2.500 engrenagens de plástico em aproximadamente 10 horas. No mesmo período, outras impressoras 3D que estão no mercado só conseguem produzir cerca de 20 engrenagens.

A companhia vêm trabalhando há algum tempo com parceiros que ajudaram a projetar suas impressoras 3D. Entre os grandes nomes do mercado corporativo estão BMW, Nike e Siemens, que ajudaram o projeto a virar realidade. Todos os parceiros já demonstram interesse em integrar a impressão 3D de alguma forma em suas linhas de produção, e serão os primeiros clientes a receber as máquinas da HP. Outras empresas interessadas terão que esperar até o fim do ano, prazo estimado pela fabricante para começar o envio dos equipamentos.

Stephen também não descartou a possibilidade da HP fabricar, futuramente, impressoras 3D para uso doméstico: "Nós temos um cronograma a seguir e seremos capazes de chegar a soluções para ambientes menores", disse.

Via: Quartz

Instagram do Canaltech

Acompanhe nossos bastidores e fique por dentro das novidades que estão por vir no CT.