HP Inc. demitirá 3 mil a 4 mil pessoas nos próximos 3 anos

Por Redação | 13 de Outubro de 2016 às 20h22
photo_camera Reprodução

Parece que as coisas ainda não se ajeitaram para a HP, e a companhia deverá anunciar uma nova onda de cortes, com cerca de 3 mil a 4 mil demissões nos próximos três anos.

A informação vem de uma nota enviada pela companhia à Comissão de Títulos e Câmbio do governo norte-americano. Segundo o comunicado, os cortes variarão por país e serão definidos de acordo com um planejamento e conversas realizadas internamente.

Depois da divulgação da nota, Dion Weisler, CEO da HP Inc., empresa resultante da divisão da HP em duas operações distintas, tentou colocar panos quentes na situação. A HP Inc. é a responsável pelos produtos para consumidor como PCs e impressoras - a outra empresa é a Hewlett Packard Enterprise, para o segmento corporativo.

Para Weisler, a empresa já fez importantes progressos em seu primeiro ano, mas ainda está comprometida com a implementação de políticas para recuperar a sua saúde financeira.

“Estamos confiantes em nossa estratégia e acredito que isso trará retornos confiáveis e fluxo de caixa, permitindo que a HP invista em inovações diferenciadas e crescimento a longo prazo", destacou.

Os cortes previstos pela companhia podem trazer uma economia de US$ 200 milhões a US$ 300 milhões por ano. Caso a companhia venha a demitir 4 mil pessoas, isso representará um corte de 8% no quadro de 50 mil funcionários que a empresa tem.

Enquanto a HPE parece ter reencontrado seu caminho, divulgando resultados animadores depois da divisão, parece que a HP Inc. ainda não estancou a sangria em seus resultados. No terceiro trimestre de 2016, a companhia teve uma receita de US$ 11,9 bilhões, uma queda de 4% sobre o mesmo período no ano anterior.

Fonte: TechCrunch

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.