HBO e Discovery fazem investimento em empresa de realidade virtual

Por Redação | 19.04.2016 às 13:48

A HBO e a Discovery, duas grandes players do mercado de televisão por assinatura, também estão embarcando no mundo da realidade virtual. Apesar de não estarem fazendo isso juntas, as duas anunciaram ao mesmo tempo a compra de parcelas da OTOY, uma companhia que usa o poder da computação na nuvem pra renderizar cenários tridimensionais. A ideia é entregar conteúdo para os assinantes e expandir aquilo que já é visto somente na TV.

O apresentador Jon Stewart será um dos primeiros a participar da empreitada, já estando ativo na produção de conteúdo original para plataformas de realidade virtual. O acordo também beneficiará a plataforma DiscoveryVR, lançada recentemente pelo canal e que traz conteúdos adicionais ao que é exibido na TV.

No anúncio oficial de compra, as companhias falam na criação de “conteúdo holográfico”, o que soou estranho de início. A ideia aqui não seria criar algo como o que é visto em “Star Wars”, mas sim, investir em uma realidade em 3D, com uma mistura de cenários renderizados com conteúdo por streaming. Por exemplo, de maneira simples, uma sala de cinema na qual o usuário seja colocado em uma poltrona e assista às suas séries e shows preferidos em uma tela grande, mas virtual.

É aqui que entra a computação nas nuvens, citada pela OTOY como seu diferencial e, possivelmente, também o que levou ao interesse das companhias. A empresa trabalha com uma mistura de conteúdo baixado para o aparelho com aqueles transmitidos diretamente, tudo a partir de servidores remotos. O cenário, por exemplo, pode ser armazenado na memória, e seria capaz de mudar de acordo com o show escolhido ou a hora do dia, por exemplo.

Além disso, essa tecnologia facilita a integração até mesmo com imagens reais, saindo do VR para a realidade aumentada, também. A promessa da OTOY é de um tempo de renderização de 10 a 40 vezes mais rápido que os meios convencionais, por meio da arquitetura de cloud computing e da mistura entre conteúdo pré-renderizado, streaming e processamento em tempo real. Ela utiliza os servidores da Amazon para boa parte desse trabalho.

Além da HBO e do Discovery, a OTOY tem outras grandes companhias entre seus principais acionistas, com destaque para a Autodesk e Yuri Milner, o investidor russo que é fundador do serviço Mail.ru. Além disso, outros grandes nomes fazem parte de seu corpo de conselheiros, como Eric Schmidt, diretor da Alphabet, Samuel Palmisano, CEO da IBM, e Ariel Emanuel, da WME.

Fonte: TechCrunch