Google, Uber, Ford e outras empresas se unem para regulamentar carros autônomos

Por Redação | 26 de Abril de 2016 às 10h31

Buscando a regulamentação dos carros autônomos nos Estados Unidos, diversas empresas formaram uma coalizão para debater com os órgãos reguladores quais serão as melhores medidas para o setor. Alphabet (empresa mãe do Google), Ford, Uber, Lyft e Volvo se uniram oficialmente nesta terça-feira (26) para instar ações federais em prol dos carros autônomos. A intenção é regular esse tipo de transporte com regras bem definidas para que os carros inteligentes possam estar nas ruas o mais breve possível.

O grupo irá trabalhar junto com os legisladores, reguladores e a sociedade para ajustar a segurança e avaliar os benefícios sociais dos veículos que dirigem sozinhos. David Strickland, ex-funcionário da Administração Nacional de Segurança no Tráfego Rodoviário (NHTSA) dos Estados Unidos, será o advogado e porta-voz da coalizão. "O melhor caminho para esta inovação é ter um conjunto claro de padrões federais, e a coalizão trabalhará com os formuladores de políticas para encontrar as soluções certas que irão facilitar a implantação dos veículos de autocondução", disse Strickland em comunicado.

Vale a pena lembrar que no início do ano os Estados Unidos criaram um programa de US$ 4 bilhões para acelerar a chegada de carros desse tipo. Na época, a NHTSA informou às montadoras que isentará até 2,5 mil veículos de seguir alguns padrões de segurança por até 2 anos. Esse movimento permite que empresas como o Google possam testar seus carros autônomos em estradas dos Estados Unidos.

Via Reuters

Fonte: http://www.reuters.com/article/us-autos-selfdriving-idUSKCN0XN1F1http://g1.globo.com/carros/noticia/2016/01/eua-podem-aliviar-regras-para-testes-de-carros-autonomos.html

Instagram do Canaltech

Acompanhe nossos bastidores e fique por dentro das novidades que estão por vir no CT.