Google: solicitações do governo sobre dados de usuários crescem no Brasil

Por Redação | 19 de Julho de 2016 às 22h35

Nesta terça-feira (19), o Google divulgou seu mais recente Relatório de Transparência, que mostra ao público a quantidade de solicitações de governos de todo o mundo sobre dados de seus usuários. As informações liberadas são referentes ao segundo semestre de 2015, e mostram uma crescente tanto no uso dos serviços da gigante como no número de pedidos de dados dos utilizadores.

No relatório é possível perceber que as solicitações do governo ultrapassaram os 40.000 (vinculados a 81 mil contas), número recorde desde que a companhia começou a disponibilizar esse tipo de informação. Para se ter dimensão da diferença, nos seis primeiros meses do ano passado, as taxas foram de 35 mil pedidos vinculados a 69 mil contas.

Relatório de Transparência Google

Entre os países com mais solicitações, o destaque fica para os Estados Unidos, responsável por 12.523 pedidos. Em segundo lugar aparece a Alemanha, com 7.491, seguida pela França, com 4.174 e pelo Reino Unido, com 3.497. O Brasil teve 912 pedidos, vinculados a contas de 2.041, o que garantiu aos brasileiros a oitava posição. O resultado mostra um aumento considerável, seguindo o padrão dos outros países. Entre janeiro e junho de 2015, o governo brasileiro realizou 774 pedidos relacionados a 1.547 usuários.

Conforme as diretrizes de outras companhias de tecnologia e comunicação, o Google garante que a divulgação de dados ocorre seguindo as leis, para que a privacidade dos usuários seja mantida: "O respeito com a privacidade e a segurança dos dados armazenados pelo usuário é o que sustenta nossa abordagem de divulgação de dados em resposta a essas solicitações oficiais. Quando recebemos essas solicitações, nossa equipe as analisa para garantir que elas seguem os requisitos legais e as políticas da Google."

Fonte: SlashGear

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.