Google registra novos modelos de drones para levar internet a locais remotos

Por Redação | 15.10.2015 às 18:12
photo_camera Foto: Reprodução

O Google registrou no início deste mês, junto à Administração Federal de Aviação dos Estados Unidos (FAA), os documentos referentes a dois novos veículos aéreos não tripulados. Os drones em questão são modelos batizados de M2 e B3, sendo o primeiro registrado no dia 2 de outubro e o segundo no dia 7, e tem o objetivo de levar internet à população por meio do Projeto Titan.

Ainda de acordo com os documentos, ambos os veículos possuem asas fixas e dois motores elétricos. O jornal The Guardian anunciou em agosto deste ano que as pequenas aeronaves devem pesar menos de 25 kgs e podem sobrevoar em velocidades de até 160 km/h, a uma altura máxima de 120 metros. Ao que tudo indica, os novos modelos são sucessores do Project Wing, que foi deixado de lado no início deste ano.

A companhia já estava realizando testes com esses novos modelos no estado da Califórnia em parceria com a Nasa. O The Guardian também comentou que o Google passou mais de um ano fazendo os testes antes de aplicar para o registro, sendo orientado por uma proteção jurídica de uma lei que permite que agências do governo federal testem equipamentos sem precisar registrar previamente. Os Estados Unidos só exigem o registro de veículos aéreos não tripulados se o uso não for para recreação.

Fonte: Endgaget, The Guardian, Recode