Google quer adicionar botão “comprar agora” no Google Shopping

Por Redação | 16 de Dezembro de 2014 às 13h28

Para combater o domínio da Amazon no comércio eletrônico, o Google pretende lançar um botão “comprar agora”, com o qual seria possível competir mais diretamente com a Amazon nas vendas.

Segundo o Wall Street Journal, o Google está em negociações e buscando uma aproximação com varejistas para que possa implantar o novo modelo de compras nos resultados das buscas do Google Shopping. Como o objetivo da empresa não é trabalhar diretamente com a venda, mas continuar como uma intermediária neste processo, o Google pretende facilitar a compra de mercadorias de terceiros apenas com um clique no próprio Google Shopping.

Atualmente, o Google apenas redireciona os usuários para os sites dos varejistas e com isso perde o público, uma vez que o usuário, caso deseje comprar mais algum item, costuma pesquisá-lo no próprio site para onde foi redirecionado e não volta ao Google para realizar uma nova pesquisa.

A Amazon já tem um serviço que permite a compra de produtos com um único clique e a funcionalidade é estendida para aparecer também em anúncios fora do site, o que facilita a compra e atrai mais clientes.

Fortalecer a concorrência direta com a Amazon é o principal objetivo do Google ao adicionar o botão “comprar agora” e, dessa forma, impedir que a Amazon domine sozinha o comércio eletrônico. O presidente do Google já afirmou em ocasiões anteriores que considera a Amazon a grande concorrente da empresa na área de buscas.

O Google ainda estuda a possibilidade de oferecer entrega em até dois dias para produtos comprados no Google Shopping, no entanto, ele precisa de parceria direta com os varejistas para implantar o serviço. Os varejistas, em contrapartida, não receberam com entusiasmo as propostas do Google, uma vez que temem uma alta competição nos preços e falta de controle na experiência de compra do cliente.

Fonte: http://9to5google.com/2014/12/15/google-buy-now-button/

Siga o Canaltech no Twitter!

Não perca nenhuma novidade do mundo da tecnologia.