Google permitirá que empresas segmentem anúncios usando e-mail dos usuários

Por Redação | 29.09.2015 às 10:53

O Google irá em breve permitir que os anunciantes tenham acesso a um dos tipos mais lucrativos de segmentação de anúncios, os e-mails. A gigante das buscas está lançando uma nova ferramenta chamada Customer Match, que oferecerá aos anunciantes a possibilidade de usarem uma lista de endereços de e-mail para segmentar seus anúncios através dos serviços do Google. Para ser influenciado pela ferramenta, basta que o usuário esteja logado em sua conta Google e ter fornecido seu endereço de e-mail para alguma empresa.

O Google afirmou que os endereços de e-mails individuais são anônimos na ferramenta Customer Match. Isso significa que as empresas não serão capazes de criar perfis personalizados para usuários individuais, mas poderão compilar listas com hábitos gerais, tais como visualização no YouTube e histórico de pesquisas no Google. Isso permitirá que as empresas tenham acesso ao que você assiste e pesquisa na internet com o objetivo de receber anúncios personalizados.

Por exemplo, o Google irá permitir que um varejista envie seu e-mail para o Customer Match para que ele possa lhe servir anúncios enquanto assiste a um vídeo no YouTube ou realize pesquisas no Google em produtos relacionados. O novo produto de publicidade do Google permite que as empresas criem um perfil público geral com base nos hábitos e interesses dos clientes existentes para atingir novos clientes quando eles utilizarem os serviços da empresa.

O grande problema do Customer Match é a preocupação que ele deverá levantar no que diz respeito a privacidade. A ferramenta praticamente permitirá que empresas tenham acesso ao que o usuário faz enquanto navega em sua conta Google, mas esta é a forma encontrada pela empresa norte-americana para ampliar suas receitas de publicidade à medida que mais consumidores utilizam os dispositivos móveis.

O Google vem encontrando dificuldades no campo da publicidade móvel enquanto outros dois concorrentes, a Apple e o Facebook, estão com movimentos estratégicos para este segmento do mercado. A Apple está permitindo que um novo software bloqueie os anúncios no iOS 9. O Facebook, por outro lado, criou uma rede robusta de publicidade móvel dentro de sua rede social enquanto expande a variedade de informações encontradas no site. Dessa forma, os usuários passam mais tempo na rede social e consomem mais publicidade.

Ao utilizar o e-mail como segmentação para anúncios, o Google irá aumentar a importância dos aplicativos móveis do Gmail e YouTube na geração de receitas. Mas, sem dúvidas, o novo serviço deixará os usuários da empresa ainda mais desconfiados, visto que suas informações estão sendo expostas para anunciantes.

Via The Verge

Fonte: http://www.theverge.com/2015/9/28/9410975/google-customer-match-ad-targeting-email-addresses