Google Fotos continua sincronizando imagens mesmo após app ser deletado

Por Redação | 14.07.2015 às 09:57
photo_camera Reprodução

Há pouco mais de um mês, o Google atualizou o seu aplicativo de Fotos. O serviço foi reformulado e agora oferece armazenamento gratuito e ilimitado de fotos e vídeos com até 16 megapixels e resolução de 1080p, porém essas parecem não ser as únicas novidades: o app também continua sincronizando as fotos mesmo após ser deletado do aparelho do usuário.

Um jornalista do Nashville Business Journal foi quem notou o problema ao perceber que, mesmo após apagar o app do seu smartphone, centenas de fotos do aparelho continuavam sendo sincronizadas em sua conta do Google. "Meu telefone fez o upload de imagens para o Google Fotos, embora eu sequer tenha o Google Fotos instalado no meu aparelho", explicou.

Acontece que excluir o aplicativo de Fotos de um dispositivo Android não é a mesma coisa que dizer especificamente ao Google para que ele desative o recurso de sincronização das fotos com o seu serviço na nuvem. Usuários do Android que realmente desejarem desativar esse backup devem acessar "Configurações do Google" em seu smartphone e, por fim, desativar a função de backup do Google Fotos.

Config Android

Imagem: Canaltech

Essa confusão acontece porque muitos usuários acreditam que a "cópia de segurança" das imagens está vinculada a uma determinada interface de usuário, que pode ser desinstalada facilmente com a remoção do aplicativo Fotos, mas quem realmente manda nessa sincronização é o componente de backup, que deve ser desligado.

O principal problema aqui, do ponto de vista do usuário, é a ausência de transparência do serviço na nuvem da gigante da web, que faz um usuário comum pensar que basta excluir o aplicativo para desligar o serviço de armazenamento do Android. Isso porque os usuários de smartphones modernos estão acostumados com aplicativos e serviços digitais simples, que precisam apenas de um passo para ser utilizado ou deletado.

A atualização do Google Fotos liberada em maio deste ano trouxe uma série de novos recursos, com foco na facilidade do compartilhamento, hospedagem e edição de fotos e vídeos. Os procedimentos agora estão mais rápidos e dinâmicos, com a possibilidade de sincronizar automaticamente e fazer backup das imagens na nuvem a partir do seu computador, smartphone ou tablet.

Com informações do TechCrunch