Google compra startup de cloud computing Orbitera

Por Redação | 15 de Agosto de 2016 às 12h25
Tudo sobre

Google

O Google anunciou a aquisição da Orbitera, empresa ligada ao comércio eletrônico e que trabalha com soluções de computação na nuvem. A compra da gigante de Mountain View irá ajudar a empresa a competir no mercado contra a AWS da Amazon, Salesforce e a área de serviços empresariais da Microsoft. Ainda que os termos do acordo não tenham sido revelados, algumas fontes apontam que a transação envolveu US$ 100 milhões.

A Orbitera é uma startup responsável por desenvolver uma plataforma de compra e venda de software baseado em nuvem e que passará agora a trabalhar intimamente conectada à equipe de desenvolvimento do Google Cloud Platform. Além da estrutura sediada em West Hollywood, Califórnia, e da tecnologia da empresa, a aquisição também traz ao Google os negócios existentes da startup, que já realizou mais de 60 mil transações empresariais, incluindo negócios com a Adobe, Oracle e Metalogix.

O Google mencionou que a aquisição da Orbitera deixa evidente a intenção da empresa em simplificar o processo de compra e venda de software por meio de nuvem. Com a Orbitera, o Google passa a contar com uma plataforma própria e de elevado potencial que é capaz de se adaptar a qualquer tipo de negócio e indústria.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

"A Orbitera construiu um forte ecossistema de fornecedores de software empresarial entregando software para múltiplas nuvens. Esta aquisição não só irá melhorar o apoio de fornecedores de software no Google Cloud Platform, mas reforça o apoio do Google para o mundo multi-nuvem. Estamos oferecendo aos clientes mais escolhas e flexibilidade quando se trata de gerir o seu ambiente de nuvem", afirmou o Google em comunicado no seu blog oficial.

Fundada por Firas Bushnaq e Brian Singer, a Orbitera nasceu com a intenção de corrigir alguns dos "desafios transacionais e operacionais associados à venda de software". Com financiamento de US$ 2 milhões vindos de investidores anjos como Double M Partners, Resolute.vc, Arjund Sethi e Hiten Shah, a empresa conseguiu se tornar uma das referências neste mercado.

Fonte: Google

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.