Foxconn, que monta iPhones para a Apple, abrirá fábrica nos Estados Unidos

Por Redação | 28 de Julho de 2017 às 16h48

Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, comemorou o acordo entre o governo e a Foxconn para que a fabricante taiwanesa comece a fabricar componentes de iPhones e iPads em território americano. O martelo foi batido na quinta-feira (26) em um evento na Casa Branca.

Inicialmente, a Foxconn começará fabricando somente telas de LCD, com um investimento de US$ 10 bilhões e expectativa de gerar 3 mil empregos em sua nova unidade no estado de Wisconsin. Contudo, o governo do país prevê que a oferta de postos de trabalho aumente para 13 mil em um futuro próximo.

Agora, a Foxconn se junta a companhias como a Alibaba e a Intel, que, recentemente, anunciaram investimentos em filiais que mantêm nos EUA para que os negócios entre essas empresas e o governo do país fiquem ainda mais amigáveis.

Trump, em seu perfil no Twitter, comemorou a novidade, agradecendo à Foxconn pelo investimento bilionário em seu país. A celebração se dá justamente porque fazer com que os EUA voltassem a produzir equipamentos eletrônicos foi uma das promessas de sua campanha presidencial.

Fonte: Bloomberg

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.