Fintech de pagamentos Adyen expande para a China via integração com WeChat

Por Redação | 20 de Novembro de 2016 às 18h26
photo_camera Reprodução

A fintech europeia de pagamentos Adyen anunciou na última quinta-feira (17) uma nova expansão para o mercado chinês através da integração do WeChat como método alternativo de pagamento em sua plataforma.

A empresa é a primeira a incluir o suporte ao sistema de pagamento chinês em escala global, o que lhe dará acesso a cerca de 400 milhões de clientes chineses que já usam o app como uma carteira virtual.

A China é um dos mercados que tem impulsionado a expansão mundial do dos meios de pagamento móveis e estimativas indicam que cerca de 15% da população do país fara ao menos uma compra internacional via e-commerce até o fim deste ano – totalizando US$ 68 bilhões em transações.

"A integração com o WeChat Pay garante a nossos clientes que atuam em escala global acesso a todo o potencial que o mercado chinês oferece ao e-commerce", afirmou Jean Christian Mies, vice-presidente Sênior da Adyen para a América Latina.

Instagram do Canaltech

Acompanhe nossos bastidores e fique por dentro das novidades que estão por vir no CT.