FBI teria pago menos de US$ 1 milhão para hackers invadirem iPhone

Por Redação | 29 de Abril de 2016 às 09h37

Há cerca de uma semana, uma notícia quanto ao montante que o FBI teria pago aos hackers que invadiram o iPhone 5c de Syed Farook viralizou na internet, pois o valor calculado teria sido superior a US$ 1,3 milhão. Agora, uma reportagem da agência Reuters informou que o bureau na verdade teria pago menos de US$ 1 milhão aos especialistas contratados para o trabalho. A agência teria conseguido a informação com fontes próximas ao órgão.

O cálculo anterior foi baseado em uma pista que James Comey, diretor do FBI, teria dado durante uma conferência realizada em Londres. Comey disse que o valor gasto foi superior ao que ele ainda deve ganhar no cargo - mais sete anos e quatro meses. Portanto, considerando que o salário anual do diretor é de US$ 183,2 mil, o valor pago aos hackers teria sido superior ao de US$ 1,34 milhão.

Com relação à identidade desses especialistas contratados, ainda não se sabe de nada além de rumores, uma vez que a transação correu em sigilo. As fontes da agência de notícias disseram também que nem mesmo Comey teria conhecimento do nome desses profissionais.

Fonte: Reuters

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.