Ericsson e Cisco renovam parceria de prestação de serviços em TI

Por Redação | 25.02.2016 às 08:45

A Ericsson e a Cisco anunciaram durante a Mobile World Congress 2016 alguns dos resultados obtidos desde a parceria estratégica que firmaram em novembro de 2015. Nestes pouco mais de três meses, ambas as empresas avançaram significativamente em relação a ofertas comerciais que incluem rede, tecnologias de nuvem e mobilidade, acordos de serviços gerenciados e transformação de IP, que juntas ampliaram as oportunidades comerciais para as companhias.

No período, a parceria criou aproximadamente 200 interações com empresas, sendo que muitas delas acabaram por se tornar clientes que utilizam serviços de rede, backbone de IP móvel, solicitam transformação da proposta de TV e rede à cabo e buscam por modernização de backhaul móvel via interações de sistemas. Tanto a Ericsson quanto a Cisco já agilizaram seus modelos comerciais conjuntos e treinamento da força de vendas. Isso também levou ambas a avançarem no planejamento tático e desenvolvimento de recursos globais. “Estou feliz com o feedback de clientes e da força de vendas quando apresentamos nossos recursos conjuntos. Está claro que as duas empresas encaram essa parceria com o mesmo nível de compromisso e vontade", avaliou o CEO e presidente da Ericsson, Hans Vestberg.

Ericsson e Cisco estão colaborando em mais soluções em suas áreas estratégicas, que abrangem IP core, acesso de banda larga com cabo fixo, backhaul móvel, VPN comercial, serviços de transformação de IP e serviços gerenciados de IP e TI, além de cidades inteligentes com o desenvolvimento de soluções da Internet das Coisas (IoT). Também, as parceiras estão trabalhando em conjunto no novo produto de gerenciamento de serviços de rede em tempo real que funciona através de várias tecnologias e domínios do fornecedor. Chamada de Ericsson Dynamic Service Manager, essa nova solução foi anunciada pela Ericsson durante a MWC.

Além disso, a Cisco anunciou que está desenvolvendo um roteador 5G para serviços residenciais e comerciais em conjunto com a Ericsson e a Intel. O produto, ao que tudo indica, será o primeiro roteador do tipo. As três empresas fazem parte do Fórum de Tecnologia 5G da Verizon, que também tem interesse em agilizar importantes inovações na quinta geração de redes móveis.

Com todo o desenvolvimento da parceria, a norte-americana e a sueca assinaram um acordo de direitos de propriedade intelectual em conjunto e um acordo de serviços profissionais. Neste último, o contrato inclui a combinação de 66 mil funcionários da Ericsson e 11 mil da Cisco para prestar consultoria, suporte e serviços em toda a área de TI em redes de 180 países.

“No mundo acelerado de hoje, parcerias estratégicas de próxima geração permitem que possamos inovar e nos mover mais rapidamente. Desde o anúncio da nossa parceria com a Ericsson em novembro de 2015, tivemos ótimos resultados oriundos de soluções com custo-benefício, experiências aprimoradas e comercialização mais ágil para nossos clientes", declarou o CEO da Cisco, Chuck Robbins.