Em meio a polêmicas, Uber lança versão popular do serviço: o uberX

Por Redação | 21 de Agosto de 2015 às 13h41
photo_camera Divulgação

Enquanto governos e taxistas seguem perseguindo o Uber e tentando proibir sua atuação no Brasil, a empresa decidiu mostrar que segue tranquila apesar das polêmicas e anunciou um novo serviço para botar um pouco mais de lenha nessa fogueira que está prestes a virar um incêndio. Com o chamado uberX, ela quer fazer com que o seu transporte de passageiros seja ainda mais acessível.

Lançada inicialmente em São Paulo, em junho, e posteriormente em Belo Horizonte, em agosto, a novidade é uma opção a mais para quem já utiliza o tão comentado e debatido serviço. A diferença é que, desta vez, os carros são um pouco mais compactos e os preços bem menores.

Segundo a própria companhia, o uberX traz tarifas até 20% mais baratas que o UbarBLACK tradicional. No Rio de Janeiro, por exemplo, o valor segue a partir dos R$ 3 na tarifa-base e com acréscimos de R$ 1,60 para cada quilômetro rodado e R$ 0,25 o minuto. Na capital federal, a única diferença é que o quilômetro custa um pouco menos, apenas R$ 1,40.

E, apesar de ser mais em conta, isso não quer dizer que alguns dos fundamentos que fizeram o app ser tão popular em todo o mundo serão deixados de lado ou negligenciados. A empresa garante que, mesmo no uberX, a praticidade de acionar um motorista e a segurança devem continuar as mesmas.

Mudanças em Brasília

Além disso, o Uber anunciou mais algumas novidades focadas nos usuários brasilienses. A começar pela expansão da área de cobertura. Seja com o UberBLACK ou o novo uberX, os usuários vão poder solicitar uma corrida nas regiões de Samambaia, Ceilândia, Taguatinga e Sobradinho.

Outra novidade foi uma revisão nos valores do UberBLACK para se adequar à estreia de seu irmão mais novo. A partir desta sexta-feira (21), a tarifa inicial das corridas serão de R$ 4 e o valor do quilômetro rodado passa a ser de R$ 1,95. Já o minuto passa a custar R$ 0,35.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.